segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Flagelo Urbano apresenta - Apartheid Social || Faça o Download


Flagelo Urbano apresenta: Apartheid Social

Um ano depois do lançamento do “O Ermo”, um dos álbuns mais aclamados pela crítica, eis que Flagelo Urbano, nos apresenta, a nós, seus admiradores, amantes da sua música, ouvintes e apreciadores, a música Apartheid Social.

Ao que parece o contrato social não foi capaz de acabar com a ideia de que alguns homens sentem-se superiores a outros, e por isso, devem ser mais merecedores dos privilégios sociais. A realidade diária é cruel, antropofágica, cria muros, privatiza a coisa de todos, cerca os rios e os mares, pois entende que somente alguns devem os beneficiários da "res pública".

Hoje, há como que, uma aceitação pacífica da pobreza, da mísera escancarada nos becos, ruas e vielas, sendo que para certos grupos sociais, normalmente os mais beneficiados é apenas corolário da ordenamento natural das coisas. Aquilo que o autor chama de Fatalismo sociológico.

Flagelo Urbano, também conhecido como Ngola Sambala, poetiza esta triste realidade, chamando atenção para o perigo de se jogar para longe do progresso e dos mais elementares direitos aqueles que são, e seriam componentes essenciais para a construção de uma sociedade mais justa.

A música é para reflectir, levar o ouvinte a olhar ao seu redor e perceber que nós somos nós porque existem os outros, e que antes de cada um de nós está a comunidade.




Share this article

0 comentários:

Enviar um comentário

 
Copyright © 2014 Xenon Beat • All Rights Reserved.
Template Design by BTDesigner • Powered by Blogger
back to top